>> FUTEBOL PROFISSIONAL: “Estamos a afinar a orquestra”

>> FUTEBOL PROFISSIONAL: Preparação em dose dupla

>> VITÓRIA: Apresentação oficial a 5 de Agosto

>> VOLEIBOL: Berta Murta assume equipa sénior feminina

>> VOLEIBOL: Allan Cocato continua no comando técnico

>> FUTEBOL PROFISSIONAL: Bakary Bouba Saré reforça meio-campo

>> BASQUETEBOL: Francisco Oliveira em convívio com crianças

>> FUTEBOL PROFISSIONAL: Sessão da tarde com estreia de Saré

>> FUTEBOL PROFISSIONAL: Alvin Arrondel é conquistador

>> EQUIPA B: Vitória recebe Feirense a 9 de Agosto

>> FUTEBOL PRAIA: Vitória participa no I Torneio de Futebol de Praia APFC

>> FUTEBOL PROFISSIONAL: Vitória derrotado no Complexo

>> FUTEBOL PROFISSIONAL: Vitória inicia campeonato a 16 de Agosto

>> FUTEBOL PROFISSIONAL: Gandarela de Basto recebeu o Vitória

>> FUTEBOL FORMAÇÃO: Derby abre Campeonato Nacional de Juniores

  FUTEBOL

Comunicado do prof. Nelo Vingada

2009/10/07

Caros associados, adeptos e simpatizantes do Vitória Sport Clube:

A 26 de Junho passado acordei com o Sr. Presidente um compromisso para ser o Treinador da equipa profissional a partir de 1 de Julho de 2009.
Aceitei participar no projecto do Vitória carregado de ilusão, optimismo e motivação para poder projectar o Clube à posição que merece.
A preparação, bem como os jogos amigáveis realizados, transmitiram a todos a ideia de que iríamos ter sucesso.
O início do campeonato e o jogo em casa com o Benfica cimentaram ainda mais a minha convicção que estávamos no rumo certo.
Infelizmente, os jogos seguintes alternaram com resultados e exibições menos conseguidas que trouxeram intranquilidade para todos, reflectindo-se sobretudo na equipa e jogadores.
Entendo que este clima de tensão permanente sobre todos estava a revelar-se altamente nefasto para o futuro imediato da equipa.
Entendo que uma atmosfera de tranquilidade é mais do que necessária para ultrapassar esta fase. Assim, decidi pôr o meu lugar à disposição da Direcção, porque entendo que este é o melhor contributo que agora posso dar.
Não fujo nem me demito das minhas responsabilidades, mas nesta altura em que há uma paragem de campeonato é um tempo propício à reflexão e análise para que o Vitória possa, assim, com esta minha decisão, encontrar o melhor caminho para o futuro.
Faço votos para que todos os vitorianos se unam à volta da equipa para que a prossecução dos objectivos seja conseguida.
Um agradecimento a todos os profissionais, sem excepção, que a meu lado sempre deram o melhor, com rigor e devotada paixão à causa do Clube.
Um obrigado à Direcção, e em especial ao Presidente, Sr. Emílio Macedo, por me ter dado a oportunidade de, ainda que por um curto período, passar a fazer parte da história do Vitória Sport Clube.

Obrigado a todos e muito sucesso no futuro.






voltar

criação