preloader

Reação tentou travar injustiça

Vitória SC perde com SL Benfica por 3-2

A equipa vitoriana viveu, esta manhã, uma injustiça tremenda. Os Conquistadores perderam por 3-2 no duelo com o SL Benfica, com todos os golos a serem apontados na última meia hora de jogo.

Foi uma segunda parte eletrizante. Depois de uma primeira parte de algum equilíbrio, com o Vitória a apresentar-se bem organizado defensivamente e a dar sinais de querer controlar o jogo e a posse de bola. Ainda assim, os primeiros minutos serviram para pregar um susto à equipa de Ricardo Lima, que viu Filipe Cruz falhar uma grande penalidade assinalada logo ao minuto 4.

No regresso das cabines, e com um intervalo a zeros, o Vitória entrou bem na etapa complementar, contudo, viu o Benfica chegar ao golo num lance de extrema felicidade. Cher Ndour inaugurou o marcador por estar no sítio certo à hora certa. E, logo depois, novo momento feliz para o adversário e nova grande penalidade. Além do penalti, que viria a traduzir-se no segundo golo para o Benfica, por intermédio de Filipe Cruz, o lance resultou na expulsão de Rui Correia.

A desvantagem de dois golos no marcador e de um elemento em campo poderia indicar algum desanimo nos Conquistadores mas essa é uma palavra que não faz parte do nosso dicionário. O Vitória chamou a si o protagonismo do jogo e esboçou uma excelente reação. Gui reduziu para 2-1 com um grande golo e, já nos descontos, Jota igualou a partida. No entanto, e num jogo de emoções fortes, o Benfica ainda chegaria ao terceiro golo. Quer saber como? Pois, na conversão de mais uma grande penalidade, novamente por Filipe Cruz, aos 94 minutos.

Depois do encontro desta sexta-feira, os vitorianos vão receber o Portimonense na próxima terça-feira, a partir das 15 horas, num encontro com transmissão no Facebook Oficial do Vitória Sport Clube.