preloader

Vitória na final da Taça

GDESSA 62 – 70 Vitória SC

A equipa sénior feminina de basquetebol venceu o GDESSA no primeiro jogo da Final 4 e está na final da Taça de Portugal pela segunda vez em três anos.

Foi um jogo equilibrado, e emotivo em que as vitorianas foram mais fortes na fase final da partida.

Um jogo que, como diz o treinador Rui Costa podia ter caído para qualquer lado: “Fomos muito consistentes do ponto de vista mental no sentido de que estivemos muito focados em cumprir o plano de jogo do início ao fim. Fomos um bocadinho melhores, mas o podia ter sido o GDESSA a ganhar”.

Na primeira parte a defesa foi superior ao ataque e o jogo nem sempre teve grande qualidade ofensiva como mostra o 23-28 que registava o marcador no descanso.

As equipas melhoraram ofensivamente no segundo tempo com o Vitória por cima durante todo o terceiro parcial.

Uma entrada forte das conquistadoras no quarto período, que chegou a estar a vencer por 10 pontos, não fazia adivinhar um jogo até ao fim, mas como diz a vitoriana Luiana Livulo, o basket é um jogo de sequências: “O jogo de basket é feito de altos e baixos com sequências por parte das duas equipas. A nossa equipa conseguiu estabilizar quando esteve em baixo e dar a volta por cima”.

Efetivamente a equipa do GDESSA recuperou e empatou a partida com cinco minutos para jogar.

O jogo passou a ser de parada e resposta, mas nos momentos finais a equipa vitoriana mostrou-se mais forte e conseguiu a vitória e a presença na final de amanhã.

O jogo decisivo será frente à equipa da casa, o Benfica, pelas 11h00, mas mesmo antes de saber o adversário Rui Costa já afirmava que o favoritismo era independentemente do adversário e o objetivo é só um: “Favoritos somos nós. O Benfica ou o Sportiva, serão adversários fortíssimos, mas temos de acreditar. Viemos para levar a taça para Guimarães e qualquer que seja o adversário acreditamos que conseguimos vencer”.