preloader

“Estar na Fase Final é um prazer”

Gonçalo Nogueira faz antevisão ao duelo com o SL Benfica

A disputa da Fase Final voltou a ser uma realidade alguns anos depois. Estar entre os melhores do país é o objetivo de todos os amantes do desporto-rei mas nem todos conseguem lá chegar. Os Sub-19 do Vitória conseguiram-no por mérito próprio e procuram agora a melhor classificação.

O crescimento individual e coletivo, com vista a alimentar as equipas principais, é também visível aos olhos dos mais atentos. Nogueira é exemplo disso. O médio alternou a temporada entre a Liga Revelação e o Campeonato Nacional de Sub-19, integrando também os trabalhos da equipa B. Atualmente, é um dos pupilos à ordem de Rui Tomé e foi o escolhido para fazer a antevisão ao encontro com o SL Benfica agendado para este sábado, na Academia.

“Estar na Fase Final é um prazer e poder disputá-la com os melhores é muito gratificante. Temos procurado dar o nosso melhor em todos os jogos e queremos agora dar uma resposta ao primeiro duelo com o Benfica. O jogo no Seixal não nos correu bem e esperamos fazer mais e melhor na nossa casa. Estamos convictos de que assim será. Ainda assim, sabemos que iremos encontrar uma boa equipa, motivada pelo recente título europeu”, comentou.

Desde o duelo da primeira volta, “a equipa melhorou” e está agora “mais madura”. Depois da derrota diante do líder, marcada por uma grande penalidade polémica, Nogueira atesta que o grupo de trabalho não ficou afetado com a injustiça no confronto com o FC Porto porque, segundo o próprio, “o mister está constantemente a dizer que temos de nos focar em nós, no nosso trabalho e evolução, e não naquilo que não podemos controlar”. É, por isso, que Gonçalo Nogueira, fã do Barcelona e apreciador do ‘tiki-taka’, espera que a partida deste sábado seja marcada pela “qualidade de jogo”. “O nosso jogo com o Braga não foi um grande jogo das duas equipas, o adversário acabou por ser mais feliz ao conseguir fazer um golo. É também essa felicidade que nos tem faltado”, disse.

O que não falta, pelo menos ao entrevistado, é qualidade. O médio assume-se como um jogador inteligente, que “dá tudo”, e com boa qualidade de passe. Características que o próprio quer cimentar na equipa B para conseguir chegar onde outros já se encontram: “Penso que todos os jogadores da formação quer subir até à equipa A, seguir o percurso do André Almeida e do Handel, por exemplo, que são jogadores que aprecio muito e espero, em breve, encontrar na equipa principal”.

Recorde-se que os Sub-19 vão medir forças com o SL Benfica este sábado, pelas 17 horas, no Campo 5 da Academia vitoriana. A entrada é gratuita para os associados do Vitória SC.