preloader

Vitória tem “Craques da Leitura”

Francisca Faria, Joana Ribeiro, Gui e André Amaro estiveram na Escola Santos Simões

Foi uma tarde de partilha aquela que aconteceu nesta quarta-feira, 11 de maio, na Escola Santos Simões, em Guimarães, onde quatro jogadores do Vitória Sport Clube falaram dos livros de mais gostam na mais recente edição do “Craques da Leitura”.

A iniciativa foi organizada pela Associação de Futebol de Braga, integrada no Plano Nacional de Leitura 2027 (PNL2027), de modo a sensibilizar as crianças e jovens dos diferentes ciclos de ensino, dos diferentes concelhos do distrito, para a leitura.

A representar o Vitória SC estiveram quatro jogadores de futebol: Francisca Faria e Joana Ribeiro, da equipa principal feminina, e Gui e André Amaro, jogadores da equipa principal masculina.
Perante uma plateia repleta de jovens leitores curiosos, os quatro jogadores do Vitória partilharam os motivos que os levam a ler de forma regular, os livros que mais os marcaram, e a forma como a leitura influenciou o crescimento enquanto mulheres e homens.

No final, Francisca Faria partilhou que “foi uma visita muito boa, o público interagiu de uma forma em que nos deu espaço para nos darmos a conhecer. Foi uma experiência agradável, é sempre bom ler e participar nestas experiências”, ao passo que para Joana Ribeiro, a “interação que tivemos com eles foi muito boa, apesar de envergonhados inicialmente, foi uma experiência fantástica”. Por sua vez, Gui mostrou-se contente pela vinda à Escola Santos Simões, onde “é sempre bom voltar a uma escola e ver que conseguimos passar uma mensagem importante, e é sempre bom relacionar a nossa vida desportiva com a leitura e a escola em geral”, enquanto para André Amaro “foi muito bom partilhar este momento com estes jovens. É muito bom passar a nossa mensagem e a leitura é muito importante no nosso dia a dia e nas nossas vidas, e espero que tenham ficado com a mesma ideia que nós.”

Os “Craques da Leitura” pretendem incentivar a relação de afeto, emoção e prazer entre os leitores e os textos, oferecendo às crianças e aos jovens, dos 6 aos 15 anos de idade, um leque de leituras e de atividades que os desafiem e vão ao encontro de uma das suas práticas preferidas: o desporto.