preloader

Pepa: “Sabemos onde temos de melhorar”

Treinador do Vitória SC em antevisão ao jogo com o Estoril Praia

O primeiro jogo do Vitória SC enquanto visitante está agendado para sexta-feira, 13 de agosto, com a partida da 2.ª jornada da Liga Portugal bwin, frente ao Estoril Praia. O treinador vitoriano, Pepa, abordou aquilo que pretende ver retificado em relação ao desaire da primeira ronda da prova. “Acima de tudo queremos ter capacidade de eficácia no último terço. Merecíamos ter feito golos com o Portimonense. Queremos manter o foco naquilo que de bom conseguimos e reconhecer que há outras coisas que temos de melhorar. Sabemos onde temos de melhorar, é isso que vai ditar que o volume ofensivo seja traduzido em golos. A primeira parte foi muito boa, arrisco-me a dizer isso agora que já vimos o jogo mais duas ou três vezes, embora tenham faltado os golos. Nem sempre quando se perde está tudo mal, nem está tudo bem quando se ganha. Deu gosto ver aquela entrada da equipa. Temos de estender os 45 minutos iniciais por mais tempo, porque é isso que faz castigar o adversário. Depois, temos de revelar mais capacidade de finalizar no último terço, que a temos. As coisas vão surgir com naturalidade se mantivemos esta qualidade de jogo”.

Focado no próximo adversário, Pepa analisou a equipa orientada por Bruno Pinheiro, que vai fazer o primeiro jogo em casa desde que subiu ao principal escalão do futebol português. “Foi campeão com muita justiça. Foi a melhor equipa da II liga. Teve regularidade em termos exibicionais. Manteve grande parte do plantel, o mesmo treinador, tem as ideias bem assimiladas e vai estrear-se em casa. Nós não temos dúvidas do apoio que vamos ter e do que temos ter de fazer dentro de campo. Queremos criar, ter volume, como no último jogo. Queremos ter capacidade de criar oportunidades de golo com naturalidade, como fizemos no último jogo. Temos de melhorar a definição no último terço. A obrigação é natural, seja em casa ou fora, seja depois de um empate, vitória ou derrota. Queremos ganhar, ser melhores do que somos hoje. Queremos ganhar sempre, ponto. Não há uma maior obrigação”.

Acreditando numa boa resposta no jogo frente ao Estoril Praia, Pepa partilhou que o foco está no trabalho diário, que prepara a equipa para entrar em campo e dar tudo de si. “A resposta é dada todos os dias. Não podemos estar a individualizar. Isto é o coletivo, a resposta é dada todos os dias. Nunca irei individualizar uma situação esporádica. Estamos todos juntos nos erros e nos sucessos, é assim que vamos conseguir ser uma equipa. Temos de estender o volume ofensivo por mais tempo. Sentimos o estádio empolgado, nós também nos estávamos a divertir. Problemático seria não criarmos volume ofensivo, o que não foi o caso. Ainda bem que o jogo é já esta sexta-feira para podermos dar uma boa resposta”.

Depois de cumprir um jogo de suspensão, Rochinha pode ser opção para o jogo com o Estoril, e Pepa enfatizou a importância de contar com todos os elementos do plantel. “Temos o Rochinha e o Tiago Silva, o Oscar ainda não está disponível. Tudo o que seja para ajudar dá boas dores de cabeça. Os jogadores aumentam a competitividade interna. É bom olhar para o lado e sabermos que temos qualidade em quantidade.”

O Vitória SC joga no Estádio António Coimbra da Mota nesta sexta-feira, 13 de agosto, frente ao Estoril Praia, a contar para 2.ª jornada da Liga Portugal bwin.